Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1018391
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Clima Temperado - Documentos (INFOTECA-E)
Date Issued: 2013
Type of Material: Documentos (INFOTECA-E)
Authors: KROLOW, A. C. R.
Additional Information: ANA CRISTINA RICHTER KROLOW, CPACT.
Title: Preparo artesanal de geleias e geleiadas
Publisher: Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 2013.
Pages: 39 p.
Series/Report no.: (Embrapa Clima Temperado. Documentos,138 ).
Language: pt_BR
Keywords: Frutas
Processamento caseiro
Description: A conservação de alimentos processados com qualidade e segurança, independentemente de ser artesanal ou industrial, está baseada em três fatores principais: qualidade da matériaprima, uso de tecnologia adequada e manipulação correta. Geleia, segundo a legislação brasileira, é um produto obtido pela concentração da polpa ou suco de fruta com quantidades adequadas de açúcar, pectina e ácido, até a concentração suficiente para que ocorra a geleificação durante o resfriamento. Quando são adicionados pedaços de frutas à geleia, este produto passa a chamar-se de ?geleiada?. Ainda segundo a legislação, as geleias são classificadas em dois tipos: Comum: é a geleia preparada com 40 partes de frutas frescas ou suco e 60 partes de açúcar. Extra: é aquela geleia preparada com 50 partes de frutas frescas ou suco e 50 partes de açúcar. O preparo de geleias e doces, em geral, é uma das formas de conservação de frutas, pois são trabalhados, além do uso do calor, também o aumento da concentração de açúcar, com alteração da pressão osmótica e, com isso, aumentando o tempo de vida útil do produto. Somente os cuidados com a fabricação de geleias, sob o ponto de vista tecnológico, não são o suficiente para manter a inocuidade do produto. Atenção especial também deve ser dada à manipulação de alimentos, pois essa pode se tornar um problema de saúde pública, havendo sérias consequências para o consumidor. Infringir regras básicas de higiene leva à contaminação dos alimentos e, consequentemente, sérios riscos à saúde. Portanto, conhecer e seguir essas regras é dever de todo o manipulador consciente.
Data Documento: 2015-06-23
Appears in Collections:Série Documentos (CPACT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Documento138.pdf1,24 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace