Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/812029
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pantanal - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 8-Abr-2006
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: AQUINO, L. B. C. de
PADOVANI, C. P.
Informaçães Adicionais: Embrapa Pantanal (Corumbá, MS).
Título: Evolução do desmatamento no planalto de Corumbá pela análise de imagens de satélite.
Edição: 2005
Fonte/Imprenta: Corumbá: Embrapa Pantanal, 2005.
Páginas: 32 p.
Série: (Embrapa Pantanal. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 62).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Degradação ambiental
Sensoriamento remoto
SIG
Conteúdo: O desmatamento tem sido uma das causas principais da degradação ambiental. A prática do desmatamento sem um planejamento, traz prejuízos que muitas vezes são irreversíveis ao ambiente, e a longo prazo ao homem, devido a diminuição da diversidade e dos recursos naturais. A quantificação do desmatamento por meio da tecnologia de sensoriamento remoto e sistemas de informações geográficas tem se mostrado uma ferramenta poderosa na fiscalização, monitoramento, planejamento do uso da terra e para conservação da natureza. Esse trabalho avaliou o desmatamento no planalto de Corumbá em 1988 e 2002. Imagens do satélite Landsat 5TM e 7ETM foram georreferenciadas e interpretadas por classificação visual e automática. Fotografias digitais de campo georreferenciadas com GPS, foram tomadas para a verificação da classificação das imagens. A área total do planalto de Corumbá foi quantificada em 129.209 ha. A área desmatada para o ano de 1988 foi quantificada em 49.180 ha (38%) e para 2002 foi 56.276 ha (43%).
Ano de Publicação: 2005
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CPAP)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BP62.pdf4,95 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace