Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/920467
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorLEAO, P. C. de S.pt_BR
dc.contributor.authorBORGES, R. M. E.pt_BR
dc.date.accessioned2012-03-27T11:11:11Zpt_BR
dc.date.available2012-03-27T11:11:11Zpt_BR
dc.date.created2012-03-27pt_BR
dc.date.issued2011pt_BR
dc.identifier.citationPetrolina: Embrapa Semiárido, 2011.pt_BR
dc.identifier.issn1808-9968pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/920467pt_BR
dc.descriptionO objetivo do presente trabalho foi avaliar a influência de diferentes porta-enxertos sobre a produção e características do fruto nas cultivares Thompson Seedless, Sugraone, Catalunha, Crimson Seedless, Marroo Seedless e Fantasy Seedless nas condições do Submédio do Vale do São Francisco. Foram realizados três experimentos, sendo um no Campo Experimental de Bebedouro, da Embrapa Semiárido, em Petrolina, PE e os demais em um vinhedo comercial no Município de Sento Sé, BA. No experimento 1, foram avaliadas três cultivares copa Thompson Seedless, Catalunha e Sugraone sobre cinco portaenxertos e uma testemunha não enxertada (pé-franco). Os portaenxertos foram Harmony, 420 A, IAC 766, Couderc 1613 e Paulsen 1103. No experimento 2, as cultivares copa foram Crimson Seedless e Marroo Seedless enxertadas sobre os mesmos porta-enxertos. No experimento 3 foram utilizadas as cultivares copa Sugraone, Crimson Seedless e Fantasy Seedless avaliadas sobre os porta-enxertos Paulsen 1103, Harmony, 420 A e SO4. Em todos os experimentos, utilizou se delineamento experimental em blocos com parcelas subdivididas e três repetições, considerando-se como parcela principal as cultivares copa, e como parcelas secundárias, os porta-enxertos. No momento da colheita avaliaram-se as características relacionadas à produção e qualidade dos frutos: produção; massa média de cachos; massa, comprimento e diâmetro médio de bagas; teor de sólidos solúveis totais (SST) (oBrix); acidez total titulável (ATT) (% ácido tartárico) e relação SST/ATT. O vigor das plantas foi mensurado pela massa da parte aérea determinada após a poda. O efeito dos porta-enxertos variou em função das cultivares copa e das condições ambientais e de manejo específicas de cada experimento. De modo geral, as melhores respostas nas cultivares Thompson Seedless e Sugraone foram observadas sobre os porta-enxertos Harmony e Paulsen 1103, enquanto em Marroo Seedless e Crimson Seedless, destacou-se o porta-enxerto IAC 766 para a maioria das características avaliadas. As cultivares Catalunha e Fantasy Seedless foram menos influenciadas pelos porta-enxertos.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.relation.ispartofseries(Embrapa Semiárido. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 90).pt_BR
dc.rightsopenAccesspt_BR
dc.subjectUva sem sementept_BR
dc.subjectThompson Seedlesspt_BR
dc.subjectSugraonept_BR
dc.subjectCatalunhapt_BR
dc.subjectCrimson Seedlesspt_BR
dc.subjectMarroo Seedlesspt_BR
dc.subjectFantasy Seedlesspt_BR
dc.subjectCultivarpt_BR
dc.subjectVale do São Franciscopt_BR
dc.subjectVitis vinifera Lpt_BR
dc.subjectSeedless grapespt_BR
dc.subjectGraftingpt_BR
dc.titleUtilização de porta-enxertos em cultivares de uvas sem sementes no Vale do São Francisco.pt_BR
dc.typeFolhetospt_BR
dc.date.updated2016-05-03T11:11:11Zpt_BR
dc.subject.thesagroUvapt_BR
dc.subject.thesagroPodapt_BR
dc.subject.thesagroEnxertopt_BR
dc.subject.thesagroPorta Enxertopt_BR
dc.format.extent229 p.pt_BR
riaa.ainfo.id920467pt_BR
riaa.ainfo.lastupdate2016-05-03pt_BR
dc.contributor.institutionPATRICIA COELHO DE SOUZA LEAO, CPATSA; RITA MERCIA ESTIGARRIBIA BORGES, CPATSA.pt_BR
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CPATSA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BPD90.pdf2,14 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace