Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/881444
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Solos - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Date Issued: 2010
Type of Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Authors: CARVALHO JUNIOR, W. de
BHERING, S. B.
PEREIRA, N. R.
AMARAL, F. C. S. do
CHAGAS, C. da S.
ZARONI, M. J.
GONCALVES, A. O.
AGLIO, M. L. D.
DART, R. de O.
AMORIM, A. M.
LOPES, C. H. L.
Additional Information: WALDIR DE CARVALHO JUNIOR, CNPS; SILVIO BARGE BHERING, CNPS; NILSON RENDEIRO PEREIRA, CNPS; FERNANDO CEZAR SARAIVA DO AMARAL, CNPS; CESAR DA SILVA CHAGAS, CNPS; MARIA JOSE ZARONI, CNPS; ALEXANDRE ORTEGA GONCALVES, CNPS; MARIO LUIZ DIAMANTE AGLIO, CNPS; RICARDO DE OLIVEIRA DART, CNPS; Ailton Martins Amorim, SEPROTUR; Carlos Henrique Lemos Lopes, SEPROTUR.
Title: Zoneamento agroecológico do município de Maracaju - MS.
Publisher: Rio de Janeiro: Embrapa Solos, 2010.
Pages: 44 p.
Series/Report no.: (Embrapa Solos. Boletim de pesquisa e desenvolvimento, 167).
Language: pt_BR
Description: A Embrapa Solos, em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo - SEPROTUR, realizou o Zoneamento Agroecológico do Estado do Mato Grosso do Sul - Fase II - com objetivo de contribuir para a indicação de áreas passíveis de exploração agrícola sustentável. No desenvolvimento desse trabalho foram considerados aspectos legais, restrições ambientais, potencial das culturas, aspectos do clima, de geomorfologia e dos solos, todos integrados em um ambiente de sistema de informação geográfica com apoio de álgebra de mapas, no intuito de avaliar a adequabilidade de uso das terras e apresentar uma proposição de planejamento de uso e ocupação das terras. Os resultados desse trabalho foram consolidados por município e deram origem a este boletim de pesquisa. O município de Maracaju está inserido nas unidades geoambientais da Região da Depressão Aquidauana; Região do Vale do Rio Paraná; Região do Planalto Basáltico; e na Região da Borda do Planalto Basáltico. Apresenta um elevado grau de ação antrópica das terras, onde mais de 85 % das terras são utilizadas com pastagens e com agricultura e apenas 15% ainda apresentam um certo grau de preservação. As zonas recomendadas para o uso com lavouras somam 4.320 km2, ou o equivalente a 80% das terras do município, enquanto que as terras recomendadas para pastagem ocupam apenas cerca de 430 km2.
Thesagro: Planejamento Agrícola
Uso da Terra
Zoneamento Agrícola
Zoneamento Climático
Data Documento: 2011-03-18
ISSN: 1678-0892
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
bpd1672010zonmaracaju.pdf25,4 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace