Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/802584
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Pantanal - Comunicado Técnico (INFOTECA-E)
Issue Date: 2005
Type of Material: Comunicado Técnico (INFOTECA-E)
Authors: COUTINHO, M. E.
CAMPOS, Z. M. da S.
Additional Information: MARCOS EDUARDO COUTINHO, CPAP; ZILCA MARIA DA SILVA CAMPOS, CPAP.
Title: Metodologia de avaliação do potencial reprodutivo de fêmeas e machos de jacaré-do-Pantanal.
Publisher: Corumbá: Embrapa Pantanal, 2005.
Pages: 5 p.
Series/Report no.: (Embrapa Pantanal. Comunicado Técnico, 48).
Language: pt_BR
Keywords: Jacaré-do-Pantanal.
Description: A biologia reprodutiva do jacaré-do-Pantanal, Caiman crocodilus yacare, tem sido estudada por vários pesquisadores em diferentes aspectos, tanto no Norte do Pantanal (Crawshaw, 1989) como no Sul do Pantanal (Campos, 1991; Campos, 1993; Mourão et al., 1994; Aleixo e Maciel, 1998; Coutinho et al., 2001). A reprodução dos jacarés é um dos aspectos populacionais fundamental para programas de conservação e utilização das espécies, tanto na natureza como em cativeiro. As espécies de jacarés, da família Alligatoridae, fazem seus ninhos em montes juntando restos de folhagens e gravetos dentro da mata, próximos de corpos d'água e nos tapetes de vegetação flutuante. Os fatores que levam as fêmeas a selecionarem o habitat de nidificação são desconhecidos. O tamanho e a composição dosninhos depende mais do habitat e da disponibilidade de material do que das espécies envolvidas (Magnusson, 1979). No Pantanal, é provável que os ciclos anuais de cheia e seca alterem a disponibilidade dos locais de nidificação e também a oferta do material para construção dos ninhos do jacaré-do-Pantanal (Campos e Magnusson, 1995). As fêmeas investem tempo na construção e cuidados contra predadores no ninho e permanecem ao lado dos jovens recém-eclodidos até um ano de vida (Citnra, 1989). NO Pantanal, as inundações e a predação dos ninhos são as principais causas de mortalidade dos ovos dos jacarés. Os principais predadores de ovos de jacarés são lobinhos (Cerdocyon thous), quatis (Nasua nasua) e porco-monteiro (Sus scrofa), que podem destruir parcialmente ou totalmente os ninhos (Campos e Magnusson, 1995). A temperatura em que os ovos são incubados determina o sexo dos crocodilianos. A temperatura de incubação dos ovos determina o sexo dos embriões do jacaré-do-Pantanal. O ninho incubado a temperatura baixa (<31,5°C), produz fêmeas e a temperatura alta (>31,5°C) produz principalmente machos (Campos, 1993). A percentagem de machos é influenciada pelo habitat de nidificação, mas o efeito no habitat depende das condições climáticas do ano. a variação das temperaturas dentro dos ninhos de mata e vegetação flutuante ocorre em respostas a insolação, a chuva e a temperatura do ar em intervalos de tempo diferentes. Por exemplo, ninhos na mata levam mais tempo para sofrerem a variação das temperaturas dentro do ninho, devido à cobertura vegeral das árvores que os protege contra a exposição direta dos fatores ambientais, como a insolação e a chuva. Por outro lado, os ninhos da vegeração flutuante sofrem o efeito direto das mudanças climáticas (Campos, 1993). As temperaturas altas dos ninhos afetam o desenvolvimento embrionário e geram jovens maiores do que aqueles incubados em temperaturas mais baixas (Campos, 1993).
Thesagro: Reprodução.
NAL Thesaurus: Pantanal.
Year: 2006-04-13
Appears in Collections:Comunicado Técnico (CPAP)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
COT48.pdf258,67 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace