Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/708727
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Rondônia - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Date Issued: 2006
Type of Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Authors: VIEIRA, A. H.
LOCATELLI, M.
FRANÇA, J. M. de
CARVALHO, J. O. M. de
Additional Information: Abadio Hermes Vieira, Embrapa Rondônia; Marília Locatelli, Embrapa Rondônia; José Manoel de França, UNIR; José Orestes Merola de Carvalho, Embrapa Rondônia.
Title: Crescimento de mudas de Schizolobium parahyba var. amazonicum (Huber ex Ducke) Barneby sob diferentes níveis de nitrogênio, fósforo e potássio.
Publisher: Porto Velho: Embrapa Rondônia, 2006.
Pages: 20 p.
Series/Report no.: (Embrapa Rondônia. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 31).
Language: pt_BR
Keywords: Bandarra
Mudas.
Description: O presente trabalho teve por objetivo avaliar os efeitos das dosagens de Nitrogênio, Fósforo, e Potássio sobre o crescimento de mudas do Schizolobium parahyba var. amazonicum. (Huber ex Ducke) Barneby. As doses utilizadas foram as seguintes: Nitrogênio (0, 25, 50 e 100 mg deN/kg de solo), Fósforo (0, 60, 120 e 180 mg de P2 O5/kg de solo ) e Potássio (0, 25, 50 e 100 mg de K2O/kg de solo), através dos adubos comerciais: uréia, superfosfato triplo e cloreto de potássio. Foi desenvolvido na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Rondônia. O experimento foi desenvolvido em campo, sob condições ambientais de 50% de sombreamento. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos casualizados em esquema fatorial, com sessenta e quatro tratamentos e quatro repetições. As mudas foram plantadas em sacos de polietileno com 4,2 kg de solo previamente adubado. Aos 100 dias após o plantio, as mudas foram avaliadas individualmente, quanto à altura do caule e diâmetro do colo. Observou-se efeito significativo nos tratamentos (P<0,05), para todas as características analisadas. As mudas cultivadas em substratos cujos tratamentos continham doses de Nitrogênio elevadas apresentaram melhor crescimento nos parâmetros avaliados. No entanto, as piores médias foram observadas nas mudas cultivadas nos substratos sem adição de Nitrogênio e Fósforo. O Potássio mostrou-se menos limitante no desenvolvimento da cultura em comparação a exigência de Fósforo. O melhor rendimento das mudas em resposta ao N, P205 e K2O ocorreu nas dosagens de 100 mg N/kg de solo, 60 mg/kg de solo e 25 mg de solo, respectivamente.
Thesagro: Adubação
Fósforo
Nitrogênio
Potássio
Silvicultura.
Data Documento: 2009-10-15
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CPAF-RO)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
bpd31schizolobiumparahyba.pdf215,91 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace