Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/326870
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Gado de Corte - Documentos (INFOTECA-E)
Data do documento: 2007
Tipo do Material: Documentos (INFOTECA-E)
Autoria: ROSINHA, G. M. S.
ELISEI, C.
BASTOS, R.
FORNER, O.
SOARES, C. O.
ARAÚJO, F. R.
MADUREIRA, R. C.
MOTA, R. A.
ABREU, S. R. de O.
Informaçães Adicionais: GRACIA MARIA SOARES ROSINHA, CNPGC; CARINA ELISEI, Bolsista de Desenvolvimento Científico Regional, Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect)/CNPq; RENATA BASTOS, UNIDERP, BOLSISTA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA/CNPQ; ODINÉIA FORNER, BOLSISTA DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO INDUSTRIAL-ID/CNPQ; CLEBER OLIVEIRA SOARES, CNPGC; FLÁBIO RIBEIRO DE ARAÚJO, CNPGC; RENATA CUNHA MADUREIRA, BOLSISTA DE DTI/CNPQ; RINALDO APARECIDO MOTA, UFRPE; SÍLVIO ROMERO DE OLIVEIRA ABREU, Fundação Educacional Jayme de Altavila, Centro de Ensino Superior de Maceió.
Título: Análise da variabilidade intra-espécie dos genes pld e rpoB de Corynebacterium pseudotuberculosis por meio de marcadores PCR-RFLP.
Fonte/Imprenta: In: SÉRIES Embrapa: [coletânea de publicações seriadas da Embrapa Gado de Corte - 2006 - 2007 -2008]. Campo Grande, MS: Embrapa Gado de Corte, 2009.
Páginas: 27 p.
Série: (Embrapa Gado de Corte. Documentos, 167).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: RFLP-PCR.
Conteúdo: Corynebacterium pseudotuberculosis é o agente etiológico da linfadenite caseosa em ovinos e caprinos, uma doença infectocontagiosa crônica caracterizada por abscessos em linfonodos superficiais ou internos. Os animais acometidos podem apresentar lesões internas ou externas, o que representa perdas econômicas graves na caprinovinocultura, como o comprometimento da produção de lã em ovinos, deficiência reprodutiva, condenação da carne ou morte do animal. Uma vez estabelecida a infecção no rebanho, torna-se difícil sua erradicação. Com o objetivo de avaliar a variabilidade genética intra-espécie em C. pseudotuberculosis, 31 isolados provenientes de seis municípios do Estado de Pernambuco, sendo 23 de caprinos e oito de ovinos, tiveram os seus DNAs genômicos extraídos e analisados por reação em cadeia da polimerase e análise de polimorfismos por tamanho de fragmentos de restrição (PCR-RFLP). Os locis escolhidos foram os genes pld e rpoB, cujas seqüências dos oligonucleotídeos amplificaram fragmentos de 924 e 447 pares de bases (pb), respectivamente. Os produtos da amplificação foram digeridos com as enzimas Pst I e Msp I (gene pld) e HpyCh4 IV e Msp I (gene rpoB). Os fragmentos de restrição foram corridos em gel de poliacrilamida a 15%, os quais foram corados com brometo de etídeo. Para o gene pld, digerido com a enzima Pst I, foram obtidos fragmentos de 566, 195, 91 e 72 pb; e com a enzima Msp I, fragmentos de 395, 369, 108 e 52 pb. O gene rpoB digerido com a enzima HpyCh4 IV apresentou fragmentos de 235, 126 e 86 pb; e com a enzima Msp I apresentou fragmentos de 222, 93, 78 e 54 pb. O padrão de bandas obtido para os 31 isolados de C. pseudotuberculosis, analisados neste estudo, foi monomórfico, não havendo, portanto, polimorfismo entre os diferentes isolados, independentes da espécie hospedeira ou da área geográfica estudada, o que corrobora com o padrão homogêneo da infecção para a região.
Thesagro: Caprino
Corynebacterium Pseudotuberculosis
Imunologia
Marcador Molecular
Linfadenite Caseosa
Ovino
Sanidade Animal.
Pseudotuberculose
Ano de Publicação: 2009-04-29
Aparece nas coleções:Série Documentos (CNPGC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DOC167.pdf2,12 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace