Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1117067
Title: Caracterização e seleção de genótipos de Megathyrsus maximus de porte baixo com potencial de uso na região semiárida brasileira.
Authors: BUENO, L. G.
GALVANI, D. B.
DINIZ, F. M.
JANK, L.
BEZERRA, J. W. T.
JESUS, A. A. de
Affiliation: LUICE GOMES BUENO, CNPC
DIEGO BARCELOS GALVANI, CNPC
FABIO MENDONCA DINIZ, CNPC
LIANA JANK, CNPGC
JOSE WILSON TAVARES BEZERRA, CNPC
ANTONIETA ALEXANDRINA DE JESUS.
Date Issued: 2019
Citation: Sobral: Embrapa Caprinos e Ovinos, 2019.
Pages: 19 p.
Description: Resumo: Este trabalho foi conduzido com o objetivo de selecionar genótipos de Panicum maximum (sin. Megathyrsus maximus) de porte baixo com potencial de adaptação e uso no Semiárido brasileiro. Foram avaliados 24 genótipos, distribuídos em delineamento experimental de blocos completos casualizados com três repetições quanto à produção de biomassa, densidade populacional de perfilhos e altura de plantas. A altura do dossel no período chuvoso variou entre 29,62 cm e 99,78 cm, sendo possível classificar 9 genótipos como sendo de porte baixo para as condições ambientais e experimentais avaliadas na região (até 50 cm de altura). O genótipo PM22 apresentou elevada densidade populacional de perfilhos (3216 perfilhos/m2 ) e relação folha:colmo (6,33) no período chuvoso. Todavia, no período seco não foi capaz de tolerar a baixa disponibilidade hídrica e apresentou baixa produção de massa seca de lâminas foliares verdes (MSF). Por outro lado, os genótipos PM122, PM120 e PM119 apresentaram as maiores produções de MSF no período seco, com produções de massa seca total e relação folha:colmo no período chuvoso equivalente àquela da cultivar BRS Quênia, a mais tolerante ao déficit hídrico no período seco entre as testemunhas utilizadas. Os resultados permitem selecionar os genótipos PM122, PM120 e PM119 entre os de porte mais baixo com adaptação para o Semiárido para realização de ensaios avançados. [Characterization and selection of genotypes of Megathyrsus maximus with potential for use in the Brazilian semiarid region]. Abstract: This study was conducted with the objective of selecting low-stature Panicum maximum (syn. Megathyrsus maximus) genotypes with adaptation potential to the Brazilian semi-arid conditions. Twenty-four genotypes were evaluated in a randomized complete block design with three replicates. Biomass production, tiller population density and plant height were compared across all genotypes and cultivars. Plant height in the rainy season ranged from 29.62 cm to 99.78 cm, with 9 low-stature genotypes (up to 50 cm in height). The PM22 genotype presented high tiller population density (3216 tillers/m2 ) and leaf:stem ratio (6.33) in the rainy season. In the dry season, however, PM22 was not able to tolerate low water availability and presented low production of green leaf blade mass (MSF). On the other hand, PM122, PM120 and PM119 genotypes showed the highest dry season MSF yields, with total dry mass yield and leaf:stem ratio, in the rainy season, similar to that found for BRS Quênia, which was the most tolerant to water deficit in the dry season among the control cultivars. The genotypes PM122, PM120 and PM119 were selected for advanced tests among more low-stature genotypes with potential adaptation to the semiarid conditions.
Thesagro: Forragem
Gramínea Forrageira
NAL Thesaurus: Forage production
Forage grasses
Semiarid soils
Biomass production
Brazil.
Keywords: Capim Massai
Semiárido
Produção de biomassa
Brasil.
Series/Report no.: (Embrapa Caprinos e Ovinos. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 10).
Language: pt_BR
Type of Material: Folhetos
Access: openAccess
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CNPC2019BPD10.pdf2,43 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace