Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1085457
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Territorial - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Date Issued: 2017
Type of Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Authors: GALDINO, S.
TOSTO, S. G.
QUARTAROLI, C. F.
CAMARGO JÚNIOR, A. A.
Additional Information: SERGIO GALDINO, CNPM; SERGIO GOMES TOSTO, CNPM; CARLOS FERNANDO QUARTAROLI, CNPM; ADALGISO ALVES CAMARGO JÚNIOR, ESTAGIÁRIO CNPM.
Title: Mapeamento da contribuição de terraços agrícolas na redução da erosão do solo em sub-bacias do noroeste do Estado de São Paulo
Publisher: Campinas: Embrapa Monitoramento por Satélite, 2017.
Series/Report no.: (Embrapa Monitoramento por Satélite. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 33)
Language: pt_BR
Keywords: Equação Universal de Perda de Solo
Description: O objetivo deste trabalho foi mapear a distribuição espacial do fator de práticas conservacionistas do solo (fator P) da Equação Universal de Perda de Solo Revisada (Revised Universal Soil Loss Equation, Rusle) em áreas terraceadas em sub-bacias do projeto GeoHevea, para posteriormente estimar a perda de solos dessas áreas. Foi considerado que o fator P da Rusle varia de acordo com o espaçamento horizontal entre terraços (EH). O EH foi calculado por equações e tabelas desenvolvidas para condições brasileiras e varia em função da declividade do terreno, do tipo de solo e dos tipos de uso e manejo do solo. O mapeamento das áreas terraceadas foi feito a partir da interpretação visual de imagens de satélite de alta resolução espacial. Para mostrar a variabilidade do fator P no espaço, os valores de EH foram obtidos de forma espacializada a partir do mapa digital de declividades e do mapa de solos em formato matricial (raster). O mapa digital de declividades foi obtido usando um modelo digital de elevação gerado a partir de dados de altimetria provenientes de cartas topográficas. As ferramentas do sistema de informações geográficas (SIG) mostraram-se úteis para o método, ao possibilitarem cálculos matemáticos envolvendo células de arquivos matriciais georreferenciados que representavam a distribuição espacial da declividade do terreno e de índices relacionados ao tipo de solo. A ferramenta de reclassificação do SIG também foi útil para atribuir um valor de P para cada célula do raster de EH, o que gerou o raster com a espacialização do fator P.
Thesagro: Sistema de Informação Geográfica
Uso da Terra
Conservação do Solo
Data Documento: 2018-01-15
ISSN: 1806-3322
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPM)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
4915.pdf13,12 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace