Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1078462
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Solos - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Date Issued: 2017
Type of Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Authors: BARROS, A. H. C.
PARAHYBA, R. da B. V.
TABOSA, J. N.
MARQUES, F. A.
AMARAL, A. J. do
GOMES, E. C.
OLIVEIRA NETO, M. B. de
SILVA, A. B. da
SANTOS, J. C. P. dos
Additional Information: ALEXANDRE HUGO CEZAR BARROS, CNPS; ROBERTO DA BOA VIAGEM PARAHYBA, CNPS; JOSÉ NILDO TABOSA, IPA-PE; FLAVIO ADRIANO MARQUES, CNPS; ANDRE JULIO DO AMARAL, CNPS; ELMO CLARK GOMES; MANOEL BATISTA DE OLIVEIRA NETO, CNPS; ADEMAR BARROS DA SILVA, CNPS; JOSE CARLOS PEREIRA DOS SANTOS, CNPS.
Title: Potencial pedoclimático do Estado de Alagoas para a cultura do sorgo [Sorghum bicolor (L). Moench].
Publisher: Rio de Janeiro: Embrapa Solos, 2017.
Series/Report no.: (Embrapa Solos. Boletim de pesquisa e desenvolvimento, 259).
Language: pt_BR
Description: O potencial pedoclimático de ambientes para culturas agrícolas depende da natureza dos solos, da sua relação com a paisagem, do clima e das exigências das culturas. O objetivo deste estudo foi avaliar o potencial pedoclimático do Estado de Alagoas para a cultura do sorgo. Para obtenção do potencial pedoclimático, foram cruzadas as informações do potencial dos solos, obtidas considerando dois níveis tecnológicos para o manejo das terras e da cultura (média tecnologia ou Manejo B, e alta tecnologia ou Manejo C), com as informações obtidas para a aptidão climática da cultura considerando três cenários pluviométricos: anos chuvosos, anos regulares e anos secos. O cruzamento das informações foi realizado por meio de técnicas de geoprocessamento com o auxílio do software ArcGis, obtendo-se os mapas do potencial pedoclimático. O resultado das interpretações foi organizado em quatro classes de potencial pedoclimático: Preferencial, Médio, Baixo e Muito Baixo. A localização geográfica e as áreas de abrangência de cada uma dessas classes de potencial encontram-se disponibilizadas na forma de mapas e tabelas. Os resultados indicam que a extensão territorial das classes de potencial pedoclimático apresenta variações importantes em função da cultura, do nível de manejo adotado e do cenário pluviométrico considerado. Em geral, as áreas com potencial Preferencial estão localizadas nas mesorregiões do Agreste e do Leste Alagoanos, onde as condições de solo e de clima são mais favoráveis para o cultivo agrícola. Essas áreas se destacam quando se considera o manejo com alta tecnologia (Manejo C). Os ambientes com potencial Médio têm ocorrência dispersa nas diferentes regiões do estado, com áreas bastante expressivas quando se considera o manejo com média tecnologia (Manejo B). As áreas que apresentam potenciais Baixo e Muito Baixo localizam-se, em sua maior parte, na região Oeste do estado, sobretudo no Sertão, onde as limitações de solo e de clima semiárido são mais intensas. Os referidos potenciais também ocorrem na zona úmida costeira, principalmente nos ambientes onde o relevo impõe fortes restrições de uso e manejo do solo e da cultura, independentemente do nível de manejo considerado.
Thesagro: Aptidão agrícola
Aptidão climática
Sorgo
Data Documento: 2017-10-30
ISSN: 1678-0892
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CNPSBPD2592017.pdf14,91 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace