Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1032772
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Acre - Documentos (INFOTECA-E)
Issue Date: 2015
Type of Material: Documentos (INFOTECA-E)
Authors: AMARAL, E. F. do
BARDALES, N. G.
OLIVEIRA, C. H. A. de
ARAÚJO, E. A. de
OLIVEIRA, T. K. de
FRANKE, I. L.
Additional Information: EUFRAN FERREIRA DO AMARAL, CPAF-AC; Nilson Gomes Bardales, bolsista de Desenvolvimento Científico Regional do CNPq/Fapac; Charles Henderson Alves de Oliveira, Instituto de Mudanças Climáticas e Regulação de Serviços Ambientais; Edson Alves de Araújo, Universidade Federal do Acre; TADARIO KAMEL DE OLIVEIRA, CPAF-AC; IDESIO LUIS FRANKE, CPAF-AC.
Title: Compartilhando saberes: etnoclassificação pedológica dos Kaxinawá de Nova Olinda, Feijó, Estado do Acre, Brasil.
Publisher: Rio Branco: Embrapa Acre, 2015.
Pages: 44 p.
Series/Report no.: (Embrapa Acre. Documentos, 134).
Language: pt_BR
Keywords: Etnopedologia
Povos indígenas
Conhecimento tradicional
Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO)
Feijó (AC)
Acre
Amazônia Ocidental.
Description: O Estado do Acre abriga 36 Terras Indígenas (TIs) reconhecidas pelo governo federal, distribuídas em 11 dos 22 municípios, com extensão total de 2.436.811 ha, representando 14,6% do território acriano. Neste território habitam 15 povos indígenas falantes de três famílias linguísticas (Pano, Aruak e Arawa), que somam uma população de pouco mais de 18.300 índios, o que representa 2,4% da população do Acre e 9,0% de sua população rural. A Embrapa Acre vem atuando, desde 2008, com projetos de pesquisa e desenvolvimento que envolvem povos indígenas e tradicionais no Acre e sua associação com a prospecção de plantas medicinais e ritualísticas utilizadas por esses povos e comunidades. A partir da aprovação do projeto "Etnoconhecimento e agrobiodiversidade entre os kaxinawá de Nova Olinda?, em 2011, a relação com os kaxinawá foi extremamente importante para realizar um diálogo entre os saberes técnicos e o conhecimento tradicional. Dentro desse projeto o plano de ação ?Etnopedologia e socialização de conhecimento como base para análise ambiental integrada da paisagem e diálogo entres os saberes indígena e técnico? tinha como objetivo estudar aspectos etnopedológicos dos sistemas de uso da terra de indígenas kaxinawá de forma participativa e assim fortalecer o diálogo entre saberes, estruturar um sistema de classificação indígena de solos e selecionar indicadores de sustentabilidade da terra a partir da diversidade de uso. Este trabalho é o primeiro de etnopedologia no Acre e da Amazônia Ocidental e representa um marco em dois sentidos: a) no que se refere à base de classificação estruturada que permitirá uma maior governança do recurso pelos indígenas; e b) os conhecimentos gerados foram compartilhados nos dois sentidos para a equipe de pesquisadores e para os indígenas, constituindo um documento de referência para professores, alunos de pós-graduação, pesquisadores, indígenas e povos tradicionais no que se refere a solos na visão de populações indígenas.
Thesagro: Uso da Terra.
Year: 2016-01-04
ISSN: 0104-9046
Appears in Collections:Série Documentos (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
25830.pdf5,14 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace