Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1005918
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Agrossilvipastoril - Circular Técnica (INFOTECA-E)
Data do documento: 2014
Tipo do Material: Circular Técnica (INFOTECA-E)
Autoria: GALBIERI, R.
SILVA, J. F. V.
ASMUS, G. L.
VAZ, C. M. P.
LAMAS, F. M.
CRESTANA, S.
TORRES, E. D.
FARIAS, A.
FALEIRO, V. de O.
CHITARRA, L. G.
RODRIGUES, S. M. M.
STAUT, L. A.
MATOS, E. S.
SPERA, S. T.
DRUCK, S.
MAGALHAES, C. A. S.
OLIVEIRA, A. A. E. de
TACHINARDI, R.
FANAN, S.
RIBEIRO, N. R.
SANTOS, T. F. S.
Informaçães Adicionais: RAFAEL GALBIERI, IMAMT; JOAO FLAVIO VELOSO SILVA, CPAMT; GUILHERME LAFOURCADE ASMUS, CPAO; CARLOS MANOEL PEDRO VAZ, CNPDIA; FERNANDO MENDES LAMAS, CPAO; SILVIO CRESTANA, CNPDIA; ELIO D. TORRES, IMAMT; AUSTECLINIO LOPES DE FARIAS NETO, CPAMT; VALERIA DE OLIVEIRA FALEIRO, CPAMT; LUIZ GONZAGA CHITARRA, CNPA; SANDRA MARIA MORAIS RODRIGUES, CNPA; LUIZ ALBERTO STAUT, CPAO; EDUARDO DA SILVA MATOS, CPAMT; SILVIO TULIO SPERA, CPAMT; SUZANA DRUCK; CIRO AUGUSTO DE SOUZA MAGALHAES, CPAMT; ANTONIO A. E. DE OLIVIERA, IMAMT; RENATO TACHINARDI, IMAMT; SHEILA FANAN, IMAMT; NEUCIMARA R. RIBEIRO, APROSMT; TANIA F. S. SANTOS, APROSMT.
Título: Áreas de produção de algodão em Mato Grosso: nematoides, murcha de fusarium, sistemas de cultivo, fertilidade e física de solo.
Fonte/Imprenta: Cuiabá: IMAmt, 2014.
Páginas: 16 p.
Série: (IMAMT. Circular técnica, 8).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Mato Grosso
Sistemas de cultivo
Fertilidade de solo
Produção de algodão.
Conteúdo: A produção de algodão no estado de Mato Grosso é comprovadamente eficiente e rentável. A cada safra aumentam a tecnificação da cultura e o conhecimento acumulado. Reflexo disso é o crescimento da área ocupada por essa cultura em Mato Grosso, que representa mais de 50% do algodão plantado no país. No entanto, problemas relacionados à ocorrência de nematoides e doenças a eles associadas vêm crescendo e preocupando os produtores. Existem vários exemplos de inviabilidade de áreas em função desses parasitas, principalmente em locais que foram tradicionais no cultivo do algodoeiro. Práticas de manejo deverão ser incentivadas para reduzir ou pelo menos manter estável o problema. Para que a melhor estratégia possa ser utilizada, além de quantificar quais são as espécies presentes, é fundamental conhecer o sistema de produção no qual atua o produtor, o histórico da área, bem como as condições físicas e químicas do solo. O trabalho aqui relatado enfoca um esforço nesta direção, realizado em parceria entre o Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt), a Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (AMPA), o Instituto Brasileiro do Algodão (IBA), a Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat) e quatro unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa): a Embrapa Agrossilvipastoril, Embrapa Algodão, Embrapa Instrumentação e Embrapa Agropecuária Oeste.
Thesagro: Nematóide
Sistema de cultivo
Algodão.
Ano de Publicação: 2015-01-19
Aparece nas coleções:Circular Técnica (CPAMT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
cpamt2014matosproducaoalgodaomt.pdf4,69 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace