Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/977535
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Milho e Sorgo - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 27-Jan-2014
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: LANDAU, E. C.
MOURA, L.
GUIMARAES, D. P.
HIRSCH, A.
PIMENTA, F. M.
Informaçães Adicionais: ELENA CHARLOTTE LANDAU, CNPMS; LARISSA MOURA, BOLSISTA; DANIEL PEREIRA GUIMARAES, CNPMS; ANDRE HIRSCH, UFSJ; FERNANDO MARTINS PIMENTA, BOLSISTA.
Título: Concentração geográfica de pivôs centrais no Brasil.
Edição: 2013
Fonte/Imprenta: Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo, 2013.
Páginas: 37 p.
Série: (Embrapa Milho e Sorgo. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 69).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Geoprocessamento
Conteúdo: A produtividade de diversas culturas depende, em grande parte, de fatores climáticos como precipitação, radiação solar e temperatura. Na maior parte do Brasil, o regime de chuvas praticamente determina a disponibilidade de água no solo. A adoção de sistemas de irrigação, como o controlado por meio de pivô central, tem possibilitado um aumento considerável de produtividade e a extensão do período apto para o plantio de culturas agrícolas, como a soja, o milho e o feijão. Este trabalho objetivou identificar regiões do Brasil em que ocorre maior concentração de pivôs centrais. A partir de dados levantados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística foi calculada a proporção de estabelecimentos rurais com pivôs centrais por município. A maior concentração de pivôs centrais foi observada em municípios situados no oeste do Estado de Minas Gerais, sudeste do Estado de Goiás, no Distrito Federal e no oeste do Estado da Bahia, regiões com altas produtividades de diversas culturas, relevo pouco acidentado e situadas principalmente nas Bacias hidrográficas dos Rios Paraná, São Francisco e Tocantins. Apesar do benefício potencial da irrigação para a produção agrícola do país, estratégias para promover o aumento da produção agrícola baseadas no aumento de áreas irrigadas devem considerar restrições relacionadas com disponibilidade, qualidade e conflitos de uso da água das bacias hidrográficas em que estão inseridas. Ações estimulando a melhoria da qualidade da água, conservação de nascentes e áreas de preservação permanente, bem como o uso eficiente do recurso, contribuirão para a melhoria da qualidade e quantidade de água disponível, podendo permitir, ou não, a futura expansão da área irrigada no país.
Thesagro: Irrigação
Distribuição geográfica
NAL Thesaurus: Geographical distribution
Irrigation
Ano de Publicação: 2013
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPMS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
bol69.pdf3,05 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace