Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/884586
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Monitoramento por Satélite - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 31-Mar-2011
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: NOGUEIRA, S. F.
QUARTAROLI, C. F.
GREGO, C. R.
ANDRADE, R. G.
HOLLER, W. A.
VIDAL, D. M.
Informaçães Adicionais: SANDRA FURLAN NOGUEIRA, CNPM; CARLOS FERNANDO QUARTAROLI, CNPM; CELIA REGINA GREGO, CNPM; RICARDO GUIMARAES ANDRADE, CNPM; WILSON ANDERSON HOLLER, CNPM; DAIANA MORELLI VIDAL, Bolsista CNPM.
Título: Estimativa do estoque de carbono em sistema de produção de soja e pastagem na Região Norte matogrossense.
Edição: 2010
Fonte/Imprenta: Campinas: Embrapa Monitoramento por Satélite, 2010.
Páginas: 30 p.
Série: (Embrapa Monitoramento por Satélite. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 15).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Estoque de Carbono
Geoprocessamento
Estado do Mato Grosso Cana.
Conteúdo: A região norte do Mato Grosso destaca-se pelo seu novo e complexo cenário de uso e cobertura das terras, caracterizado principalmente pela conversão de vegetação natural em pastagens e áreas agrícolas e também pela conversão entre sistemas de produção agropecuária. Essas conversões mostram-se bastante representativas para estudos que visem o melhor entendimento dos padrões físicos e temporais da expansão e intensificação agropecuária, assim como seus efeitos sobre as características físicas, químicas e biológicas dos solos. O objetivo deste trabalho foi utilizar ferramentas de geoprocessamento para analisar dados sobre o cultivo da soja e pastagem, caracterizar a evolução dessas culturas em municípios selecionados do Estado de Mato Grosso e realizar estimativas de estoque de COS sob tais culturas e dos estoques médios de COS por município. Para a estimativa do COS foram utilizados mapas digitais de solo, de biomas e das áreas produtoras em 1999 e 2007 para soja e 1996 e 2006 para pastagem. As áreas produtoras foram divididas em unidades cartográficas segundo a combinação de solos, biomas e cultivo com soja ou pastagem. Os valores de COS foram estimados para cada unidade cartográfica pela aplicação de fatores publicados em literatura que correlacionavam o estoque de COS aos solos, biomas e cultivo com soja ou pastagem. Posteriormente, para cada município da região, obteve-se o estoque médio de COS por hectare nas áreas produtoras. Mapas coropléticos com os valores de COS por município foram elaborados, assim como mapas com dados municipais de porcentagem de áreas colhidas de soja e cultivadas com pastagem. Nos municípios avaliados, em solos cultivados com soja, a variação média no estoque de COS, obtida através das estimativas realizadas, foi positiva, de 2,7% ou 1,3 Mg ha-1. Essa variação decorre da adoção crescente da prática do plantio direto, uma forma de manejo que favorece a estabilização da matéria orgânica no solo. Com relação às estimativas de variação no estoque de COS em áreas sob pastagens, os dados apontaram um acréscimo médio positivo de 3,7% ou 1,8 Mg ha-1.
Thesagro: Pastagem
Soja.
Ano de Publicação: 2010
ISSN: 1806-3322
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPM)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BPD15.pdf2,79 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace