Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/883888
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Monitoramento por Satélite - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 30-Mar-2011
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: RODRIGUES, C. A. G.
GOMES, K. E.
CAMPONOGARA, T.
AROSEMENA, D. R.
Informaçães Adicionais: CRISTINA APARECIDA G RODRIGUES, CNPM; KLECIUS ELLERA GOMES, DPD; TIAGO CAMPONOGARA, URCAMP; DIEGO ROST AROSEMENA, URCAMP.
Título: Avaliação do sistema radicular e de rizomas de um campo natural diferido em Bagé, RS.
Edição: 2010
Fonte/Imprenta: Campinas: Embrapa Monitoramento por Satélite, 2010.
Páginas: 17 p.
Série: (Embrapa Monitoramento por Satélite. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 10).
Idioma: pt_BR
Conteúdo: A utilização do Campo Sulino natural na pecuária de forma cada vez mais intensa e constante tem provocado a diminuição da sua condição produtiva. A excessiva remoção da parte aérea afeta o desenvolvimento das raízes. Um sistema radicular bem desenvolvido permite às plantas forrageiras explorar maior volume de solo, melhorando a absorção de água e nutrientes. As raízes também funcionam como órgão de reserva, assegurando rápida rebrota e produtividade das plantas forrageiras. O diferimento é uma prática de manejo de pastagens que pode ajudar a recuperar o campo por meio de descanso programado durante um tempo determinado. Este trabalho avaliou o efeito do tratamento de diferimento sobre o sistema radicular de campo natural após três anos de aplicação (agosto de 2000 a julho de 2003) na Embrapa Pecuária Sul (Bagé, RS). As avaliações foram realizadas no campo com presença animal durante todo o ano e sob diferimento de verão/outono (sem animais na área de março a junho). Foram coletadas 18 amostras de solo em cada tratamento, nas profundidades de 0?10 cm e 10?20 cm. As raízes e os rizomas foram separados do solo e entre si, secos e pesados. Houve diferença (p<0,05) para a porcentagem de raízes e a massa da matéria seca de rizomas. A testemunha apresentou 83,98% das raízes na camada de 0?10 cm e o diferimento, 77,5%. Na camada de 10?20 cm, sob diferimento houve aumento de 35% de raízes em relação à testemunha. A maior massa de matéria seca de rizomas foi obtida em pastagem sob diferimento, com 106% a mais em comparação à testemunha. Os resultados indicam vantagem do descanso da pastagem dos Campos Sulinos, tanto no acúmulo de reservas (maior quantidade de rizomas) voltado à propagação de gramíneas rizomatosas de interesse, quanto também no desenvolvimento de raízes na camada de 10?20 cm.
Thesagro: Campo
Manejo do Solo
Pastagem
Sistema Radicular.
Ano de Publicação: 2010
ISSN: 1806-3322
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPM)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BPD10.pdf778,86 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace