Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/811107
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pantanal - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 18-Ago-2004
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: CAMPOS, Z. M. da S.
MOURÃO, G. de M.
COUTINHO, M. E.
MAGNUSSON, W.
Informaçães Adicionais: Embrapa Pantanal (Corumbá, MS); IBAMA-Ran (Campo Grande, MS); INPA (Manaus, AM).
Título: Movimento e área de uso do jacaré-do-pantanal.
Edição: 2004
Fonte/Imprenta: Corumbá: Embrapa Pantanal, 2004.
Páginas: 33 p.
Série: (Embrapa Pantanal. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 57).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Yacare
Movement ecology
Dispersion
Caimans
Management.
Conteúdo: O estudo dos padrões de movimento dos jacarés do Pantanal ocorreu em uma área de lagos isolados e em uma área cortada por rios intermitentes no Pantanal. Foram marcados jacarés em 100 lagos, na área de lagos (1986-2001), e em 2 rios, na área de rios (1987-1999), recapturados 163 machos adultos, 132 fêmeas adultas e 237 jovens e monitorados 67 jacarés adultos por radiotelemetria nas duas áreas. No intervalo de 2 anos, a maioria dos jovens moveram-se apenas dentro da área de lagos ou da de rios, numa distância máxima de 6,0 km (x = 0,5; DP = 1,0 km), na área de lagos, e de 1,25 km (x= 0,6; DP = 0,3 km), na área de rios. Somente cinco jovens marcados nos lagos foram recapturados depois de um intervalo de 5 a 10 anos. Um jovem permaneceu na área de lago e quatro saíram para a de rio. Em 1 ano, fêmeas e machos com mais que 40 cm de comprimento rostro-cloacal (CRC) moveram-se em distâncias similares nas duas áreas (até 9,8 km). Fêmeas e machos maiores que 40 cm (CRC) foram registrados locomovendo-se por distâncias máximas de 16 a 18 km, respectivamente, em períodos de 1 a 5 anos. Caçadores mataram sete machos que saíram da área de lagos para os de rios. As distâncias percorridas pelos machos e fêmeas maiores que 40 cm (CRC) tiveram a influência do intervalo entre as capturas e do nível médio da água. Os jacarés com radiotransmissores moveram-se por até 3 km em 40 dias. Uma fêmea reprodutiva distanciou 5 km da área de rio onde foi marcada, indo para um local onde nidificou no período de 60 dias. O espaço usado em um período de 7 meses, não variou entre as duas áreas, mas os jacarés maiores se movimentaram sobre áreas mais extensas. O tamanho da área de uso dos indivíduos com rádios, em períodos de 15 a 447 dias, oscilou de 2 a 1649 ha e relacionou-se com o tempo de rastreamento e o comprimento dos jacarés na área de rios. As áreas usadas pelos 5 machos em locais sujeitos à caça experimental foram similares das usadas, pelos outros 5 machos em locais não-sujeitos à caça. Pode-se dizer que o movimento extensivo dos jacarés, a longo e curto prazo, de que fazendas individuais não poderiam ser consideradas unidades de manejo para o uso sustentado no Pantanal.
Thesagro: Dispersão
Ecologia
Manejo
Jacaré
Movimento.
NAL Thesaurus: Pantanal.
Ano de Publicação: 2004
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CPAP)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BP57.pdf344,92 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace