Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/811012
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pantanal - Circular Técnica (INFOTECA-E)
Data do documento: 12-Abr-2004
Tipo do Material: Circular Técnica (INFOTECA-E)
Autoria: SILVA, R. A. M. S.
SANCHEZ, V.
DÁVILA, A. M. R.
Informaçães Adicionais: Embrapa Pantanal (Corumbá, MS); FIOCRUZ (Rio de Janeiro, RJ).
Título: Metodologia do teste de imunofluorescência indireta para o diagnóstico da tripanosomose eqüina.
Edição: 2003
Fonte/Imprenta: Corumbá: Embrapa Pantanal, 2003.
Páginas: 2 p.
Série: (Embrapa Pantanal. Circular Técnica, 39).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Tripanosomose eqüina
Teste de Imunofluorescência Indireta
Trypanosomosis
Diagnosis
Method
Animal sanity.
Conteúdo: A tripanosomose causada pelo Trypanosoma evansi tem uma distribuição geográfica extremamente ampla. Ela ocorre no norte da África, Índia, Malásia, Indonésia, China, Rússia, Filipinas, América Central e América do Sul. O T. evansi causa a tripanosomose equina também conhecida no nordeste da Argentina e Pantanal como "mal de cadeiras". O T. evansi infecta uma ampla variedade de mamíferos e no Pantanal ele tem sido encontrado em cavalos, quoatis (Nasua nasua), cães, capivaras (Hydrochaeris hydrochaeris) e pequenos roedores (Oryzomys sp.). No Pantanal tripanosomose eqüina causa centenas de mortes todo ano. Esta publicação tem como objetivo descrever a metodologia do TIFI utilizada no Laboratório de Sanidade Animal da Embrapa Pantanal.
Thesagro: Diagnostico
Método
Sanidade Animal.
Ano de Publicação: 2003
Aparece nas coleções:Circular Técnica (CPAP)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT39.pdf31,1 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace