Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/468846
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Soja - Documentos (INFOTECA-E)
Data do documento: 18-Mai-2005
Tipo do Material: Documentos (INFOTECA-E)
Autoria: TORRES, E.
ALMEIDA, A. M. R.
SARAIVA, O. F.
HENNING, A. A.
FRANCHINI, J. C.
GALERANI, P. R.
FERREIRA, L. P.
Título: Morte de plântulas de soja provocada pelo excesso de umidade e falta de aeração do solo.
Edição: 2004
Fonte/Imprenta: Londrina: Embrapa Soja, 2004.
Páginas: 31 p.
Série: (Embrapa Soja. Documentos, 239).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Soja
Dano
Conteúdo: O presente trabalho, de caráter exploratório, foi motivado pelo fato de que nas últimas safras agrícolas, em muitas áreas cultivadas com soja, ocorreu um alto índice de mortalidade de plântulas de soja, que inicialmente apresentavam lesão na extremidade da raiz principal, seguida por infecção causada por fungos normalmente encontrados no solo. Em avaliações preliminares, constatou-se que a maior incidência de morte de plântulas ocorreu principalmente nos solos de menor profundidade efetiva originados do basalto, pois, aproximadamente 70% dos problemas ocorreram nas terras roxas (nitrossolos) e nos cambissolos e litossolos (neossolos). Somente 30% das ocorrências foram verificadas nos latossolos que são solos bem desenvolvidos, profundos e apresentam boa drenagem. Além dessas características de solo favoráveis à morte de plântulas, o relevo bastante ondulado e o manejo inadequado dessas áreas, com uso intensivo de implementos nos últimos 20 anos, podem também favorecer morte de plântulas. São também descritos nesse documento os sintomas da morte de plântulas, a caracterização e manejo dos solos, além do manejo da cultura de soja como causas prováveis do problema. A influência do ano, bem como alguns estudos de caso em propriedades onde apareceu a morte de plântulas e as estratégias para enfrentar a situação são também consideradas nesse documento. Como a maioria das informações foi obtida empiricamente, a partir de observações de ocorrência a campo, não foi possível gerar informações conclusivas, mas somente aquelas que ajudam na tomada de decisão de como melhorar a tecnologia de cultivo da soja nas áreas afetadas pelo problema e, com isso, diminuir os riscos de novas perdas.
Ano de Publicação: 2004
Aparece nas coleções:Série Documentos (CNPSO)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
documento239.pdf654,88 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace