Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/15553
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Circular Técnica (INFOTECA-E)
Data do documento: 18-Dez-2008
Tipo do Material: Circular Técnica (INFOTECA-E)
Autoria: QUEIROZ, J. F. de
SILVA, M. S. G. M. e
FERRAZ, J.M.G.
CESNIK, R.
SITTON, M.
ZAMBON, G. V.
SILVA, J. R. da
Informaçães Adicionais: JULIO FERRAZ DE QUEIROZ, CNPMA; MARIANA SILVEIRA GUERRA MOURA E SILVA, CNPMA; JOSE MARIA GUSMAN FERRZ, CNPMA; Roberto Cesnik, Embrapa Meio Ambiente; Melissa Sitton, Embrapa Meio Ambiente; GINO VITORIO ZAMBON, CNPMA; JOSE ROBERTO DA SILVA, CNPMA.
Título: Avaliação preliminar da qualidade de água na microbacia do Ribeirão das Araras (SP) .
Edição: 2008
Fonte/Imprenta: Jaguariúna: Embrapa Meio Ambiente, 2008.
Páginas: 8 p.
Série: (embrapa Meio Ambiente. Circular Técnica, 18 ).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Qualidade da água
Conteúdo: A região nordeste do Estado de São Paulo concentra uma área rica em atividades vinculadas ao setor agropecuário desde o século XIX, com a entrada do café. A partir da década de 20, com a quebra da bolsa de Nova York, e principalmente a partir da década de 70, com o Proálcool, a cultura da cana-de-açúcar ganhou grande importância na região. Como seria esperado, a implantação das culturas trouxe impactos antrópicos como a supressão da vegetação natural e a expansão de áreas urbanas. Segundo o relatório ?Uso e Cobertura das Terras na Região Nordeste do Estado de São Paulo?, da Embrapa Monitoramento por Satélite (2007), as áreas urbanas aumentaram mais de 30%, de 89.818 ha para 118.898 ha em 2002/2003. A expansão foi registrada principalmente por 15.128 ha de pastagens, 6.072 ha de cana-de-açúcar e 3.447 ha de culturas anuais. Por outro lado, a retração ocorreu sobre 48 ha de pastagens, 22 ha de vegetação ripária e 22 ha de corpos d?água mapeados na zona peri-urbana. Em 2002/2003, no município de Araras, a área urbana ocupava 3741 ha, enquanto a área referente aos corpos d´água (represas, açudes, lagos, lagoas e os rios) compreendia 934 ha. (EMBRAPA MONITORAMENTO POR SATÉLITE, 2007). Assim, dada a importância da agricultura na região, e seus possíveis impactos ambientais sobre os recursos hídricos, o objetivo desta circular técnica é apresentar os resultados preliminares referentes à avaliação da qualidade da água na microbacia do Ribeirão das Araras, SP.
Ano de Publicação: 2008
Aparece nas coleções:Circular Técnica (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
circular18.pdf164,19 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace