Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1148981
Title: Monitoramento da adoção do Nematec® para controle da vespa-da-madeira (Sirex noctilio): período 2015-2022.
Authors: SANTAROSA, E.
PENTEADO, S. do R. C.
DANTAS, J. D.
Affiliation: EMILIANO SANTAROSA, CNPF; SUSETE DO ROCIO CHIARELLO PENTEADO, CNPF; JAIRO DOLVIM DANTAS, CNPF.
Date Issued: 2022
Citation: Colombo: Embrapa Florestas, 2022.
Pages: 26 p.
Description: Verifica-se a adoção e utilização contínua do Nematec® por empresas florestais produtoras de pínus ao longo dos anos (2015-2022), principalmente na região Sul, indicando sua eficácia para o controle da vespa-da-madeira. • A tecnologia desenvolvida pela Embrapa demonstra-se um ativo tecnológico com alta eficácia, resultando em ganhos econômicos, sociais e ambientais para o setor florestal. Em 2021, cerca de 151 empresas utilizaram esse método de controle, com distribuição total de 6.224 doses, sendo que, em 2022, 110 empresas utilizaram o Nematec®, com distribuição de 4.708 doses. A média anual de distribuição foi 5.911 doses, considerando o período de análise 2015-2022 e abrangência estimada em 1.000.000 ha de plantios de pínus. • O monitoramento ao longo dos anos permitirá o acompanhamento da adoção dessa tecnologia pelo setor produtivo, indicando os próximos passos e caminhos necessários da pesquisa sobre pragas florestais relacionadas. Além disso, o contato contínuo com as empresas e parceiros do setor possibilitará a identificação de novas demandas ou ajustes na tecnologia. • O ativo encontra-se em escala TRL9, sendo utilizado por empresas florestais na região Sul do Brasil (Apêndice I). Portanto, também é indicado para a avaliação de impacto devido ao seu histórico de uso e de sua adoção consolidada pelo setor produtivo. • Os resultados indicam que a Embrapa deve manter esta tecnologia no setor produtivo, devido à sua importância no controle contínuo da vespa-da-madeira, garantindo a produção de pínus no Brasil, sendo essencial para o setor de florestas plantadas nacional. Por fim, relacionado aos objetivos do desenvolvimento sustentável, o Nemetac® é uma tecnologia utilizada para o controle biológico da vespa-da-madeira, que auxilia diretamente o manejo integrado de pragas e a produtividade em plantios de pínus, contribuindo para a gestão e produção sustentável de florestas plantadas. No aspecto institucional, a tecnologia proporcionou uma importante troca de conhecimentos e parcerias, no âmbito nacional e internacional, em relação aos temas controle biológico de pragas florestais e pragas quarentenárias. Auxiliou, também, a implementação de políticas públicas, incluindo a relação com a Política Nacional de Florestas Plantadas, e contribuições para o fortalecimento do setor, mediante parcerias com empresas e indústrias florestais. Os resultados deste trabalho apresentam aderência aos diferentes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estabelecidos sob a coordenação da Organização da Nações Unidas (ONU), entretanto, com maior aderência aos ODS 8, 9, 12, 15 e 17. O ODS 15 – que se refere à proteção, recuperação e promoção do uso sustentável dos ecossistemas terrestres e gestão de florestas de forma sustentável - é o que apresenta maior relação com os resultados deste projeto. Nesse item, destacam-se a meta 15.8, que trata sobre as medidas para evitar a introdução e reduzir o impacto de espécies exóticas invasoras em ecossistemas terrestres e a meta 15.2 que visa promover a implementação da gestão sustentável de florestas, restaurar florestas degradadas e aumentar o reflorestamento globalmente. Apresenta também forte relação com o ODS 12 que visa assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis, com destaque para a meta 12.2, influenciando a gestão sustentável de recursos naturais; meta 12.4 que visa alcançar o manejo ambientalmente saudável dos produtos químicos e resíduos, e reduzir significativamente a liberação destes para o ar, água e solo; e a meta 12.6, devido ao incentivo às empresas para adoção de práticas sustentáveis. Também há um alinhamento ao ODS 17 que visa fortalecer os meios de implementação e parcerias para o desenvolvimento sustentável, com destaque para as metas 17.6 e 17.7 que tratam de melhorar a cooperação regional e internacional e o acesso à ciência, tecnologia e inovação, além de promover o desenvolvimento, a transferência e a difusão de tecnologias ambientalmente corretas, com foco no controle biológico de pragas. Incluindo as metas 17.14 e 17.17, devido à relação com políticas públicas sustentáveis de florestas plantadas e às parcerias público-privadas estabelecidas no âmbito do projeto junto às empresas florestais. Essa tecnologia também apresenta vínculo com ODS 8, metas 8.2 e 8.4, devido à sua contribuição no aumento de produtividade e renda em florestas plantadas de pínus, evitando danos da praga e garantindo a produção de madeira dessa espécie no setor florestal brasileiro. Enquanto o vínculo com ODS 9, meta 9.5, ocorre devido à relação com a indústria florestal brasileira, uma vez que as pesquisas científicas realizadas com o Nematec® proporcionam melhorias na capacidade tecnológica e inovação destas empresas, tanto na produtividade quanto na adoção de tecnologias sustentáveis, contribuindo para o fortalecimento e desenvolvimento do setor florestal.
Thesagro: Sirex Noctilio
Pinus spp
Manejo
Floresta
Keywords: Vespa-da-madeira
Sustentabilidade
Objetivo de desenvolvimento sustentável
Agenda 2030
Series/Report no.: (Embrapa Florestas. Comunicado técnico, 481)
Language: Portugues
Notes: Selo ODS 8, 9, 12, 15 e 17.
Type of Material: Folhetos
Access: openAccess
Appears in Collections:Comunicado Técnico (CNPF)

Files in This Item:
File SizeFormat 
EmbrapaFlorestas-2022-ComunicadoTecnico481.pdf1,9 MBAdobe PDFView/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace