Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1074267
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Amazônia Oriental - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 22-Ago-2017
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: SILVA, A. R.
VELOSO, C. A. C.
CARVALHO, E. J. M.
SILVEIRA FILHO, A.
SALES, A.
Informaçães Adicionais: ARYSTIDES RESENDE SILVA, CPATU; CARLOS ALBERTO COSTA VELOSO, CPATU; EDUARDO JORGE MAKLOUF CARVALHO, CPATU; AUSTRELINO SILVEIRA FILHO, CPATU; AGUST SALES, MESTRANDO UFV.
Título: Incidência de danos em espécies florestais causados por bovinos em sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta.
Fonte/Imprenta: Belém, PA: Embrapa Amazônia Oriental, 2017.
Páginas: 21 p.
Série: (Embrapa Amazônia Oriental. Boletim de pesquisa e desenvolvimento, 122).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: ILPF
Integração lavoura-pecuária-floresta
Sistemas silvipastoris
Essência florestal
Dano por animal
Conteúdo: O estabelecimento do componente florestal em sistema silvipastoril configura-se uma fase crítica, pois os danos causados pelos bovinos podem comprometer o sucesso do sistema. Diante disso, objetivou- -se avaliar a incidência de danos em espécies florestais causados por bovinos em sistemas integrados. Foi utilizado um experimento de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta manejado com as espécies de eucalipto (Eucalyptus urophyla), paricá (Schizolobium amazonicum) e mogno-africano (Khaya ivorensis). A incidência dos danos causados pelos animais nas árvores foi realizada em função da ocorrência na planta: SD = sem dano à árvore; LD = lesão maior do que 5 cm de diâmetro; LC = lesão de casca, sem alcançar o câmbio; LT = lesão do tronco alcançando o lenho pela retirada do tecido cambial. Os plantios de paricá e eucalipto não apresentaram danos causados por bovinos. O mogno-africano foi danificado por bovinos e a presença de danos representou cerca de 83,5% do plantio de um total de 431 indivíduos, sendo classificados como: LD 18,1%, LC 39,2% e LT 26,2%. Entre as três espécies florestais estudadas, o mogno africano foi a que apresentou o maior índice de danos causados pelos bovinos neste estudo
Ano de Publicação: 2017
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CPATU)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BOLETIMPD122Ainfo.pdf622,96 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace