Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/328587
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorCALDERANO FILHO, B.por
dc.contributor.authorWITTERN, K. P.por
dc.contributor.authorCONCEIÇÃO, M. dapor
dc.contributor.authorTAVARES, N. P.por
dc.contributor.authorFAGUNDES, S. R. F.por
dc.contributor.otherBRAZ CALDERANO FILHO, CNPS; KLAUS PETER WITTERN; MAURO DA CONCEIÇÃO; NEY PINTO TAVARES; SERGIO RENATO FRANCO FAGUNDES.por
dc.date.accessioned2011-04-10T11:11:11Zpor
dc.date.available2011-04-10T11:11:11Zpor
dc.date.created2002-11-22por
dc.date.issued1992por
dc.identifier.isbn85-208-0126-9por
dc.identifier.other1823por
dc.identifier.urihttp://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/328587por
dc.descriptionA constatação do apodrecimento das raízes pivotantes e do enraizamento superficial de espécies arbóreas do parque do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, principalmente na área representativa da flora amazônica, fato que tem ocasionado frequentes tombamentos e consequente morte dos mesmos, suscitou a necessidade de um estudo da área com o objetivo de identificar e caracterizar os fatores pedológicos e ambientes que possam estar contribuindo para a degeneração e morte destes espécimes. Após exame exploratório do parque e adjacencias surgiram como prováveis causadores: a altura do lençol freático que atinge a zona de enraizamento e provoca falta de oxigênio; possível presença de sais solúveis na altura das raízes; problemas de inundações periódicas prolongadas,decorrentes de mal dimensionamento e conservação dos canais de drenagem; presença de aterro sanitário e ma conservação fitossanitária dos espécimes arbóreos. Este trabalho foi executado em maio de 1990, pela equipe de pedologia da EMBRAPA-SNLCS, atendendo ao of. Gab. n. 293/89, emitido pela Superintendência do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. O presente trabalho tem como objetivo fornecer dados para uma melhor orientação de manejo e conservação do parque. os registros das observações realizadas referentes a solos e condições do meio ambiente em que se encontram, estão, de forma sucinta, condensados no presente relatório.por
dc.description.uribitstream/item/93617/1/Parte-I.pdf; bitstream/item/93618/1/Parte-II.pdfpor
dc.formatil.por
dc.languagept_BRpor
dc.language.isoporpor
dc.publisherRio de Janeiro: Jardim Botânico, 1992.por
dc.relation.ispartofEmbrapa Solos - Outras publicações técnicas (INFOTECA-E)por
dc.relation.ispartofseries(Série Estudos e contribuições, 10).por
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectAreas ambientaispor
dc.subjectdegradacaopor
dc.subjectsolospor
dc.subjectclassificacaopor
dc.subjectBrasilpor
dc.subjectRio de Janeiro.por
dc.titleIdentificação de limitações pedológicas e ambientais causadoras da degradação de áreas do Jardim Botânico do Rio de Janeiro.por
dc.typeOutras publicações técnicas (INFOTECA-E)por
dc.date.updated2016-04-19T11:11:11Zpor
dc.subject.thesagroJardim Botânico.por
dc.format.extent2101 p.por
dc.ainfo.id328587por
dc.ainfo.lastupdate2016-04-19por
Aparece nas coleções:Outras publicações (CNPS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ParteI.pdf11,51 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir
ParteII.pdf7,61 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace