Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/890122
Unidade da Embrapa/Coleção:: Área de Informação da Sede - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 31-Mai-2011
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: DE MORI, C.
IGNACZAK, J. C.
GARAGORRY, F. L.
CHAIB FILHO, H.
Informaçães Adicionais: Cláudia De Mori, Embrapa Trigo; João Carlos Ignaczak, Embrapa Trigo; FERNANDO LUIS GARAGORRY CASSALES, SGE; Homero Chaib Filho, Embrapa Cerrados.
Título: Dinâmica da produção de cevada no Brasil no período de 1975 a 2003.
Edição: 2007
Fonte/Imprenta: Passo Fundo: Embrapa Trigo, 2007.
Páginas: 33 p.
Série: (Embrapa Trigo. Boletim de pesquisa e desenvolvimento online, 37).
Idioma: pt_BR
Conteúdo: A observação do comportamento da evolução de uma determinada cultura em termos de magnitude e localização e o estudo das razões do processo observado são elementos importantes para avaliação de cenário e para formulação de estratégias para desenvolvimento desta cultura nos próximos anos. Este trabalho teve por objetivo analisar a dinâmica espacial da produção de cevada no Brasil no período de 1975 a 2003, mediante a análise de estatísticas descritivas, de indicadores de assimetria e concentração, distâncias, centros de gravidade e mapas,tomando por base os anos de 1975, 1985, 1995 e 2003. A evolução da área colhida, da quantidade produzida e da produtividade de cevada no Brasil no período de 1975-2003 apresentou crescimento, sendo o mesmo mais expressivo nas décadas de 70 e 80. Observa-se que a cultura da cevada tem permanecido circunscrita a uma área tradicional de cultivo, a região sul do Brasil, sendo as região sul-sudeste do PR e norte do RS destaques na participação da área colhida e quantidade produzida. Das 33 a 46 microrregiões com registro de cultivo de cevada nos anos estudados, observou-se que 8a 11 microrregiões foram suficientes para reunir 75% a área colhida ou da quantidade produzida. Pelos indicadores encontrados pode-se supor que há um grupo pequeno de microrregiões que possuem alta representatividade na produção do cereal e mantém-se estável no cultivo de cevada e um grande grupo de microrregiões de baixa expressão no cultivo do cereal e que o faz de maneira não constante. Em termos espaciais, a cultura de cevada não apresentou grande deslocamento da distribuição ponderada do cultivo.
Thesagro: Produção agrícola
Cevada
Ano de Publicação: 2007
ISSN: 1677-8901
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dinamicadaproducaodecevada.pdf753,31 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace