Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/568877
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Cerrados - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Date Issued: 1999
Type of Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Authors: PARRON, L. M.
VIEIRA, F. A.
MIRANDA, J. C. C. de
TSUBOI, L. A.
Title: Desenvolvimento inicial de Myrsine guianensis Aubl. e Diospyros sericea A. dc. em viveiro, em função de doses de fósforo e inoculação com fungos micorrízicos.
Publisher: Planaltina, DF: Embrapa Cerrados, 1999.
Pages: 14 p.
Series/Report no.: (Embrapa Cerrados. Boletim de Pesquisa, 10).
Language: pt_BR
Keywords: Myrsine guianensis
Diospyros sericea
Azeitona do mato
Mata de galeria
Olho de boi
Produção de muda
Savanna
Fertilization
Código Florestal.
Description: O objetivo deste estudo foi avaliar o desenvolvimento inicial de Myrsine guianensis Aubl. (azeitona-do-mato) e Diospyros sericea A. DC. (olho-de-boi), função de duas doses de fósforo e da inoculação com fungos micorrízicos arbusculares (FMA) nativos do Cerrado. Ambas as espécies são lenhosas nativas de Matas de Galeria do Distrito Federal e apresentam potencial de utilização em plantios mistos destinados ao repovoamento de áreas degradadas. As mudas foram produzidas, em viveiro, irrigado, com 30% de sombreamento, em tubetes de 290 ml. O inoculante de fungos micorrízicos arbusculares constitui em uma mistura das espécies Glomus brasilianum, Glomus etunicatum, Gigaspora margarita e Scutellospora cerradensis. Como tratamentos, foram utilizados duas concentrações de fósforo, 180 g e 360 g P2O5 por m3 de substrato com e sem inoculação. Para avaliar o desenvolvimento das mudas foram medidos mensalmente, comprimento do caule (altura) e o número das folhas e ao final de 180 dias, o peso seco da parte aérea, o peso seco da raiz, área foliar, colonização de raízes e número de esporos. Quando inoculadas, as mudas M. guianensis e D. sericea apresentaram maiores valores de peso seco das raízese da parte aérea e da área foliar. A maior dosagem de fósforo afetou positivamente os valores de peso seco das raízes e da parte aérea e de área foliar de M. guianensis e o peso seco da parte aérea de D. sericea. A interação fósforo x inoculação influenciou no crescimento em altura de D. sericea. A inoculação micorrízica influenciou no aumento do número de folhas M. guianensis. As porcentagens de colonização radicular e número de esporos indicam que o desenvolvimento de M. guianensis é altamente dependente e o de D. sericea é modernamente dependente da inoculação com fungos micorrízicos. O número de esporos encontrados nas raízes de M. guianensis é alto, quando comparado com D. sericea e culturais anuais. Os resultados sugerem que o estabelecimento, no campo, de mudas inoculadas seja superior ao de mudas não inoculadas.
Thesagro: Cerrado
Espécie Nativa
Muda.
NAL Thesaurus: cutting
mycorrhizal fungi
silviculture.
Data Documento: 2005-05-14
Appears in Collections:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CPAC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
bolpd10.pdf6,61 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace