Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/421974
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Agroindústria Tropical - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Data do documento: 19-Abr-2000
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: BASTOS, M. do S. R.
OLIVEIRA, M. E. B. de
FEITOSA, T.
Informaçães Adicionais: Embrapa-CNPAT.
Título: Diagnóstico setorial da agroindústria de polpa de fruta na região Nordeste.
Edição: 1999
Fonte/Imprenta: Fortaleza: Embrapa-CNPAT, 1999.
Páginas: 29 p.
Série: (Embrapa-CNPAT. Boletim de Pesquisa, 22).
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Polpa de fruta
regiao nordeste
agroindustria
Processamento de frutas
Conteúdo: Em virtude do desconhecimento das condições de operação, notadamente das micro e pequenas empresas de polpa de frutas do Nordeste, a Embrapa Agroindústria Tropical realizou um levantamento do estado da arte da produção de polpa produzida nesta região e coletou amostras de polpas de cajá, caju e acerola para avaliação microbiológica, microscópica e físico-química. O mecanismo utilizado para a obtenção destas informações foi um questionário aplicado in loco aos gerentes/responsáveis das unidades produtoras de polpa registradas no MAA e cadastradas no SEBRAE em cada Estado do Nordeste. O questionário abordou aspectos como: caracterização da empresa, técnicas de processamento, condições de armazenamento, mecanismos/problemas de comercialização, procedimentos adotados para o controle de qualidade, atualização tecnológica, problemas técnicos/gerenciais enfrentados pelo setor, situação de mercado, credito e investimento para o setor. Os resultados deste diagnostico mostrou que os processadores de polpas da região Nordeste não estão trabalhando como processos padronizados e que a causa principal é a falta de informação do processo em si, seguida da inexistência de investimento no setor em relação as condições de credito, resultando na falta de aquisição/manutenção dos equipamentos, adequação da estrutura física e outros fatores que influem no desenvolvimento. Em relação a qualidade dos produtos avaliados, alguns estão em desacordo com os padrões microbiológicos e microscópicos, ressaltando a importância de melhoria das condições higiênico-sanitárias; quanto aos aspectos físico-químicos foram encontrados, também, produtos fora dos padrões estabelecidos pelo MAA, devido, provavelmente, a falta de padronização dos processos.
Ano de Publicação: 1999
ISSN: 0103-6424
Aparece nas coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPAT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Bp022.pdf103,8 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace