DSpace

Infoteca-e » Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical (CNPMF) » Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPMF) »

Por favor, utilize esse identificador para citar ou referenciar esse registro:
http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/920909

FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut

Formato RegistroConteúdo
Unidade da Embrapa/Coleção: Embrapa Mandioca e Fruticultura - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Identificador: 28411
Data de Envio: 29-Mar-2012
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: COELHO FILHO, M. A.
SILVA, T. S. M. da
ALMEIDA, C. O. de
ALBUQUERQUE, A. F. A. de
SILVA, O. S. M. da
Informações Adicionais: MAURICIO ANTONIO COELHO FILHO, CNPMF; TIBERIO SANTOS MARTINS DA SILVA, CNPMF; CLOVIS OLIVEIRA DE ALMEIDA, CNPMF; AUREA FABIANA A DE ALBUQUERQUE, CNPMF; OLINDIO SANTOS MARTINS DA SILVA.
Título: Impacto do aquecimento global na aptidão do Estado da Bahia para o cultivo do mamoeiro.
Edição: 2011
Fonte/Imprenta: Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2011.
Série: (Embrapa Mandioca e Fruticultura. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 52).
ISSN: 1808-0685.
Idioma: pt_BR
Palavras-chaves: Mamão
Conteúdo: O presente trabalho avalia os impactos das mudanças climáticas, especialmente o aumento da temperatura, da umidade relativa do ar e do déficit hídrico sobre a área de aptidão do Estado da Bahia para o cultivo do mamoeiro. As simulações para análise de riscos climáticos foram realizadas com base em dados históricos de 30 anos das normais climatológicas do Estado (1960 a 1990). As projeções de aumento da temperatura em 2030, 2050 e 2070 foram feitas com base no relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, mais conhecido pela sigla em inglês IPCC. Dois cenários foram considerados: A2, o mais pessimista, e B2, o mais otimista. Os mapas de aptidão foram gerados com o uso de ferramentas do Sistema de Informação Geográfica (SIG) e programa Arcgis 9.3, enquanto as interpolações foram realizadas com o uso de ferramentas geoestatísticas (Krigagem ordinária). Os resultados revelaram que os valores de temperatura média do ar mensal aumentariam continuamente no tempo, podendo alcançar um acréscimo médio de 2,0oC a 5,4oC até 2100, no cenário A2, e de 1,4oC a 3,8oC até 2100, no cenário B2. Em função do risco climático decorrente do aumento de temperatura e de seu impacto sobre a umidade relativa do ar e o déficit hídrico, as projeções sugerem que haverá necessidade de intensificar o uso da irrigação nos municípios tradicionalmente produtores de mamão no Estado da Bahia.
Ano de Publicação: 2011
URI: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/920909
Aparece nas Coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (CNPMF)
Arquivo Descrição TamanhoFormatoVisualizar
Boletim52.pdf3,32 MBAdobe PDFThumbnail
Download

Formato Dublin Core

Estatísticas