DSpace

Infoteca-e » Embrapa Sede (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT) » Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT) »

Por favor, utilize esse identificador para citar ou referenciar esse registro:
http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/890127

FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut

Formato RegistroConteúdo
Unidade da Embrapa/Coleção: Área de Informação da Sede - Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Identificador: 50445
Data de Envio: 31-Mai-2011
Tipo do Material: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E)
Autoria: DE MORI, C.
IGNACZAK, J. C.
GARAGORRY, F. L.
CHAIB FILHO, H.
Informações Adicionais: FERNANDO LUIS GARAGORRY CASSALES, SGE.
Título: Dinâmica da produção de centeio no Brasil no período de 1975 a 2003.
Edição: 2007
Fonte/Imprenta: Passo Fundo: Embrapa Trigo, 2007.
Série: (Embrapa Trigo. Boletim de pesquisa e desenvolvimento online, 39).
Idioma: pt_BR
Palavras-chaves: Centeio
Produção
Conteúdo: O centeio (Secale cereale L.) é cultivado no Brasil desde o século XIX. A observação do comportamento da evolução de seu cultivo em termos de magnitude e localização e o estudo das razões do processo observado são elementos importantes para avaliação de cenário e para formulação de estratégias para seu desenvolvimento nos próximos anos. O presente trabalho tem por objetivo analisar a dinâmica espacial da produção de centeio no Brasil no período de 1975 a 2003, mediante a análise de estatísticas descritivas, de indicadores de assimetria e concentração, distâncias, centros de gravidade e mapas, tomando por base os anos 1975, 1985, 1995 e 2003. No período de 1975-2003, houve expressiva redução da área colhida e da quantidade produzida de centeio no Brasil, no entanto, a produtividade do cereal apresentou comportamento de crescimento contínuo. O cultivo do centeio tem permanecido circunscrito a região sul e duas a três microrregiões são suficientes para reunir 50% da área colhida ou da quantidade produzida de centeio no Brasil. Pelos resultados obtidos, observa-se grande alteração do grupo de microrregiões que apresentaram registro de cultivo do cereal e, principalmente, das microrregiões que integraram os grupos de 25% (quartel Q4) e 50% (quartéis Q4 + Q3) da área colhida ou da quantidade produzida. Em termos espaciais, houve um deslocamento inicial da produção na década de 70, da região leste da região sul no sentido norte-oeste, na década de 80, e posterior deslocamento no sentido sul. As regiões noroeste riograndense (microrregião de Ijuí e Carazinho) e sudeste paranaense (microrregião de Prudentópolis) são microrregiões de destaque no produção de centeio no Brasil.
Ano de Publicação: 2007
URI: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/890127
Aparece nas Coleções:Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (AI-SEDE) / Embrapa Informação Tecnológica (SCT)
Arquivo Descrição TamanhoFormatoVisualizar
Dinamicaproducaodecenteio.pdf2,68 MBAdobe PDFThumbnail
Download

Formato Dublin Core

Estatísticas